domingo, 31 de julho de 2016

Asas

Porque eu voarei um dia, eu queria muito poder voar até você... Porém,  minhas asas começaram a crescer somente agora, não posso esperar algo tão incerto, não poderia pedir para que você esperasse por mim, não com essa falta de certeza sobre eu aguentar todo o tempo. 

Não,  eu não sou forte, não o suficiente pra isso, eu queria muito ser, queria muito aproveitar cada pequena parte maravilhosa como aquelas,  mas não conseguiria sabendo do tempo limitado, sabendo que talvez eu te machucasse... Não espero que entenda agora, talvez um dia, quem sabe?

O mais importante: Eu não menti, não disse nada em vão, pensei em cada palavra, e foi por pensar tanto no que dizer e fazer ou não que eu vim parar aqui, olhando o céu da noite, escrevendo sobre "nós".


-Manu Mendes :3