sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Reticências.

Olá, outra vez

Sinceramente? Eu não quero que cê vá embora e tente esquecer de tudo "só" porque a distância é uma barra, eu quero te pedir pra ficar do meu lado pra gente aguentar a droga da distância um do lado do outro, quero dizer que vale a pena esperar,  mas eu tenho medo, sabe?

Já disse e ainda repito, a última coisa que eu quero na vida é te magoar, nem "sufocar" ou ficar muito em cima por mais que eu queira você o mais perto  o possível de mim.

Não tenho muito o que falar, isso é quase tudo, eu nunca quis te querer tanto, aliás, eu tentei evitar e muito, mas chega uma hora que... sei lá, poucas vezes eu falei coisas tão verdadeiras em um pequeno texto, a mais certa é que tô meio confusa e talvez com um pouco de medo sobre onde isso vai dar.
Reticências.