domingo, 4 de setembro de 2016

Anotações de um Domingo sz



Se lembra de quando a gente chegou a acreditar sem saber que o pra sempre acaba? De quando tudo desmoronou e eu quase permiti que a tempestade me afogasse? Lá eu não tinha ideia de como as coisas iam ficar até cá, que fossem acontecer como aconteceram e que tudo estaria como está...

Só resta ter esperança de que o tempo não vai demorar tanto pra passar, de que as ideias alheias se endireitem, que eles vejam e ouçam mais e mais além de como fazem agora, resta ter esperança e ir fortalecendo tudo aquilo que tenho de mais precioso, tudo aquilo que eu simplesmente sei que não suportaria ver se quebrando.



 Unicórnio porque eu gostei u.u
Boa noite galera, espero que estejam gostando dos posts,
beijo Agridoce <3