sábado, 5 de março de 2016

Como um jogo

 Talvez seja a hora de seguir em frente. Deixar pra trás tudo e todos que de certa forma nos atrasam, e começar um caminho novo. Quem quiser nossa companhia, caminha do lado, ganha e da apoio. 

 Certas situações da vida são como fases, e estamos num jogo no qual não há pause. Nos resta o agora, evoluir sempre.

 Seguir em frente de e qualquer jeito, nem que seja rastejando, mas seguir.

 Ninguém aparece em vão, todos nos ensinam algo, temos que aproveitar. E quando esse alguém não estiver mais por perto, usar as coisas boas e as boas lembranças para seguir o nosso caminho.

 E é assim, até chegarmos num chefão chamado de Morte.